Árbitro é agredido por marcar pênalti e saca arma para atleta em MG

Matéria veiculada no UOL em 27/06/2017

A Polícia Civil de Minas Gerais averígua o que aconteceu em Passos, no sul do estado, em um jogo do Campeonato Regional de Futebol Amador. Ao marcar um pênalti a 15 minutos do término do jogo, o árbitro Camilo Eustáquio Campos teria recebido um soco e buscado uma arma no banco de reservas.

O duelo, ocorrido no Estádio Municipal Starling Soares, em Passos, era entre Oriente (mandante) e Industrial (da vizinha Itaú de Minas), válido pelo Grupo 2 da competição local.

Com a infração anotada pelo juiz, um atleta teria acertado um soco. Ele correu no banco de reservas e retornou armado e com algemas para dar voz de prisão ao jogador, que fugiu do local pulando o alambrado.

A Polícia Militar de Minas Gerais foi chamada e registrou a queixa de agressão. O técnico da equipe derrotada fez uma denúncia por abuso de autoridade. Os dois fatos serão apurados.